“Temos um aumento significativo nos pedidos de ajuda por parte dos estudantes”

ligado . Publicado em Comunicação Social

O Fundo Solidário, criado pelo Instituto Universitário Justiça e Paz, em Coimbra, nasceu da necessidade de apoiar estudantes economicamente carenciados.

“A ideia central deste fundo é a justiça, ou seja, não impedir ninguém de aceder a um nível académico considerado normal, por falta de dinheiro”, explica ao DIÁRIO AS BEIRAS, o padre Nuno Santos, diretor do IUPJ.

 

Desde 2010, ano de criação do fundo, que os pedidos têm vindo a aumentar e até ao momento já foram ajudados 32 estudantes, através de um montante que ronda os 22 mil euros. Neste momento são dez os pedidos pendentes e muitas as atividades desenvolvidas para angariar dinheiro.

Versão completa na edição impressa de 30 de novembro do DIÁRIO AS BEIRAS